Cansado de tentar empreender sem sucesso? Talvez você precise de um bom plano de negócio.

Muitos empreendedores, por conhecerem a fundo o produto ou a área que querem trabalhar, ignoram a importância de um bom planejamento do negócio.

Um bom plano de negócio é uma bússola totalmente afinada com a localização que queremos chegar. Se bem definido e seguido ele elimina boa parta das chances de erro.

O motivo de muitos ignorarem a etapa do plano de negócio, ou de fazê-la sem a devida dedicação, é que sim, ela realmente dá trabalho, demanda muitas análises, muitas simulações de cenários, conversar com várias pessoas e algumas vezes até nos diz que o negócio pode ser inviável.

Imagine... Você pensa em uma solução que vai resolver o problema de determinado público, mas não faz as devidas investigações na internet ou no mercado, faz um plano de negócios “por cima”, ou nem faz, afinal você percebe (sente) que seu produto é maravilhoso. Você produz, lança, começa a oferecer para as pessoas e em um momento percebe que aquilo já existe, que alguém já chegou na sua frente na ideia e está mais avançado, ou que já inventaram um produto para substituir sua ideia. É aí que a decepção começa. E se não fosse apenas a decepção, vem a perda de dinheiro, de esforço e do capital que temos de mais importante na vida que é o TEMPO.

Por isso investir tempo em um plano de negócio (bem feito) no início é fundamental para saber se o negócio terá ou não sucesso. Um bom plano de negócios envolve etapas que muitas vezes as pessoas não seguem quando estão pensando em empreender e acreditam que seu produto é o melhor para o seu público. Vamos ver quais são elas:
 

  • Avaliação do cenário global em que você está inserido (fatores políticos, econômicos, sociais, tecnológicos) e o que tal cenário pode trazer de oportunidade ou ameaça para seu negócio;
  • Avaliação do mercado (local) onde você está inserido. Aqui você avalia a concorrência, os produtos que podem substituir o seu, como vai negociar com fornecedores, como é a força dos clientes nesse mercado e se é um mercado com facilidade de entrada de novas ofertas de produto;
  • Estudar o tamanho do mercado e seu potencial de receita/faturamento;
  • Estudar seu ciclo de vida. Será que esse mercado está em crescimento ou está em declínio? São necessárias estratégias diferentes a serem adotadas para cada caso.
  • Quais são os fatores chave de sucesso para esse mercado/produto e como os concorrentes estão com relação esses fatores;
  • Quais são as estratégias genéricas usadas nesse setor;
  • Quais são os requisitos legais que você precisa atender;


Com base em todo esse conjunto de avaliação você começa a formular sua empresa e suas estratégias de atuação. Você precisará, por exemplo:
 

  • Definir onde quer chegar, qual sua meta principal quantificada e com prazo definido;
  • Montar as áreas funcionais;
  • Definir como serão os processos (procedimentos) de trabalho;
  • Definir como será a produção do produto;
  • Definir como será a comercialização;
  • Definir como será a estratégia de marketing (plano de marketing);
  • Relacionar os equipamentos e todos os investimentos que precisará fazer;
  • Verificar as opções de investimento (próprio, terceiros, bancos, etc)
  • Definir o plano financeiro, que envolve previsão de vendas, previsão de custos, previsão de despesas, impostos, quando será o lucro, quanto vai reinvestir, quanto vai retirar.
  • Avaliar os indicadores do projeto, por exemplo: quanto tempo de retorno do investimento (payback), qual a taxa interna de retorno do projeto (tir), qual será o ROI e uma série de outros indicadores (breve explicaremos detalhadamente aqui no blog).


Finalizando toda a análise e a formulação básica do negócio você avaliar se ele é VIÁVEL OU NÃO, ou seja, tudo que está acima fará com que você tenha todos os insumos para saber se vale a pena continuar com a ideia antes de gastar um centavo sequer nela. Talvez gaste apenas com a consultoria para elaborar o plano de negócio, caso precise de ajuda.

Na nossa trajetória, já vimos empreendedores gastarem rios de dinheiro, muitas vezes todas suas economias, começando um negócio sem fazer uma avaliação devida. E muitas vezes já vimos pessoas perderem tudo. Por isso o plano, a avaliação da oportunidade é tão importante.

Obviamente, elaborar um plano de negócio envolve detalhar e aprofundar cada item desses acima. Pode envolver também itens específicos do segmento de atuação

Mas uma coisa é certa, um bom plano de negócio possibilitará a você TOMAR A DECISÃO de investir ou não com total segurança.

5 etapas para tornar seu planejamento estratégico mais fácil

É unânime a informação que o planejamento estratégico é importante, porém s...
Leia mais

2018

A cada ano somos brindados com novas amizades, descobertas e desafios. Conq...
Leia mais

Como avaliar a concorrência no seu setor usando as 5 Forças de Porter como ferramenta

Quando você entende o funcionamento da competitividade no seu setor de atua...
Leia mais

Análise do macroambiente - PEST – o que é e como fazer

A análise do ambiente externo é um exercício que gera uma percepção do impa...
Leia mais

10 dicas incríveis para garantir o sucesso do seu Pitch

Já vimos centenas de apresentações de lançamentos de negócio, os famosos pi...
Leia mais

Fluxo de caixa, a ferramenta mais poderosa para o dia a dia da sua empresa

Ele demonstra o resultado mais primordial para o controle do dia a dia, ou ...
Leia mais

Sucesso. Antes dele vem a superação.

Com base em muitos estudos e muita reflexão acerca do motivo pelo qual algu...
Leia mais

10 erros mais comuns com indicadores de desempenho

Os indicadores fazem parte do conjunto de peças chave em uma boa gestão. El...
Leia mais

Como ter uma semana perfeita e produtiva

Você já reparou que cada dia tem mais gente falando de produtividade e pare...
Leia mais

Doutor, o que você não pode fazer é propaganda. Marketing é outra coisa!

Sempre que encontramos médicos e falamos sobre nosso trabalho de marketing,...
Leia mais

Cansado de tentar empreender sem sucesso? Talvez você precise de um bom plano de negócio.

Muitos empreendedores, por conhecerem a fundo o produto ou a área que quere...
Leia mais

Testar produtos é tão importante quanto desenvolvê-los

Isso salvará a reputação do seu negócio e sua lista de clientes dos próximo...
Leia mais

Não espere mais! O momento certo não existe.

O melhor momento para você começar a empreender é AGORA!
Leia mais

Porque você precisa monitorar o ciclo de compra

Como seria bom se pudéssemos fechar um negócio com um novo cliente em uma c...
Leia mais

6 Segredos para se tornar o MÉDICO RICO que seus amigos e familiares pensam que você é

Todos (incluindo sua família, amigos e conhecidos) pensam que todos os médi...
Leia mais